FECHAR
Clique e acesse
 

Obs. Lições Bíblicas de Adolescentes – 2°tri. De 2016 – CPAD
TEXTO BÍBLICO:
2 Timóteo 1.3-7
DESTAQUE:
"Lembro da sua fé sincera, a mesma fé que a sua avó Loide e Eunice, a sua mãe, tinham. E tenho certeza de que é a mesma fé que você tem" (2 Tm 1.5).


Trocando ideias
Como é a sua família? Grande ou pequena?
Há vários tipos e formas de famílias. Com o passar do tempo, mediante a necessidade de algumas, a família foi se reconfigurando. Independente das circunstâncias em que se encontra a sua família, o que importa é que Deus a ama e conta com você para ser um filho obediente e amoroso.
ESTUDANDO A BÍBLIA
Obrigações em família 
Ouvindo os pais ou os amigos? 
DEIXANDO PAI E MÃE 
PREPARANDO-SE PARA CONSTRUIR UMA FAMÍLIA 
Por vários motivos, ao nosso redor, ou em nossa própria casa, há uma pluralidade familiar na sociedade. A Bíblia Sagrada também descreve tipos diferentes de família. Por exemplo, a família de Timóteo é bem peculiar para aquele contexto religioso em que a Igreja nasceu. A luz dessa narrativa bíblica, poderemos entender que Deus pode abençoar todo tipo de família e fazer dela um lugar de amor, respeito e aprendizado mútuo.

UMA FAMÍLIA DIFERENTE
Quando lemos a Segunda carta a Timóteo, constatamos que o jovem era temente a Deus, tinha uma fé demonstrada pela Escritura e confirmada pelo apóstolo Paulo. Entretanto, sua família era um pouco diferente da tradicional. O jovem Tímóteo havia sido criado pela sua avó Loide, e por Eunice, sua mãe.

Não há menção do seu pai. Isso não impediu de que ele desenvolvesse um caráter digno e agradável a Deus. Vemos no jovem Timóteo uma poderosa convicção e disponibilidade para fazer toda boa obra. Não por acaso, Timóteo foi confirmado como pastor e uma pessoa de confiança do apóstolo Paulo, digno de elogio pelo seu caráter e firmeza na fé (2Tm 1.6-12).

Algumas circunstancias da vida, que fogem ao nosso controle, podem levar a uma alteração no modelo de família que não aquele criado por Deus. Assim, a família recebe uma nova configuração. Por isso, devemos nos lembrar que não vivemos num mundo perfeito, mas destorcido e contaminado pelo pecado.

Mas o que importa é que a família seja colocada sob o padrão de Deus, e assim, mesmo havendo alguma modificação por motivo de força maior, a família será sempre para a glória de Deus.

PADRÃO NÃO SAUDÁVEL DE EXISTÊNCIA FAMILIAR
Ainda falando sobre famílias diferentes, é importante ficarmos atentos, pois algumas formações familiares, a despeito das culturas e das liberdades individuais, não são saudáveis: como o "casamento homes-sexual", a poligamia etc.
O mundo quer que aceitemos como normal aquilo que não é natural e que não condiz com a estrutura familiar projetada por Deus. Ele busca introduzir em nossa sociedade, de maneira arbitrária e manipuladora, outros tipos de família, pleiteando que aceitemos tais arranjos. O mundo rejeita a formação familiar projetada por Deus, querendo criar novos modelos conforme o seu desejo. Como podemos ver na Bíblia: "E, como não querem saber do verdadeiro conhecimento a respeito de Deus, ele entregou os seres humanos aos seus maus pensamentos, de modo que eles fazem o que não devem" (Rm 1.28).

Portanto, seja um adolescente firmado na Palavra de Deus, não importando como seja a sua família, busque sempre a vontade de Deus para formar a sua família sob a orientação do Altíssimo, registrada nas Sagradas Escrituras.

UM LUGAR PARA APRENDER DA FÉ
Na vida de Timóteo, a família tem um lugar muito importante para o aprendizado e a vivência da fé. O jovem pastor foi educado pela sua avó, Loide, e Eunice, a sua mãe. Estas lhe instruíram no caminho de Deus. Como foi que você ouviu falar da mensagem de Deus? Foi em sua família? Saiba que assim como Timóteo ouviu falar de Deus em sua casa, você também pode ser aquele instrumento que Deus usará em sua família.
Existem diferentes maneiras de cultivar a fé dentro da sua família: seja através do culto doméstico; ou através do simples compartilhamento de um problema e, juntos, buscarem a solução em oração; ou a partir de um planejamento de estudo diário da Bíblia; ou por intermédio de leituras de livros que nos tragam experiências para fortalecer a nossa vida espiritual; ou mesmo numa conversa em que são partilhadas experiências de vida e de fé por nossos pais e avós.  

Ao ensinar os seus discípulos, Jesus passou a viver com eles diariamente. Cada momento do dia era uma oportunidade de passar uma instrução importante para as suas vidas. Essas instruções se davam durante a refeição, ou na viagem de uma cidade para outra, ou até mesmo ao beber água à beira de um poço. Isso nos ensina que a vivência diária é uma eficiente maneira de formar discípulos. Que aprendamos a Palavra e fortifiquemos a nossa fé no dia a dia de nossa família!
Como e a configuração da sua família?

DEUS AMA A FAMÍLIA
Embora as influências que modificam a nossa família, às vezes, sejam maiores do que nós, o Reino de Deus é muito maior do que essas influências e, por isso, somos impulsionados a viver sob a perspectiva dele para a glória de Deus (Mt 5.1-16). Entretanto, ainda que o Reino de Deus não esteja plenamente manifestado no mundo, cabe a nós, os filhos desse reino, vivermos no mundo com os olhos voltados para a esperança da plenitude do Reino de Deus, onde um dia Ele enxugará dos nossos olhos toda a lágrima (Ap 21.4).

A exemplo de Timóteo, não reclame da sua família, como ela é, como está formada; mas somente agradeça a Deus por ela, seja obediente e ouça os ensinamentos do seu pai, da sua mãe, dos seus avós etc. Seja sábio e experimente o amor de Deus dentro da sua família, pois não há maior valor do que o de viver em família.
Conclusão
Mesmo a despeito de toda dificuldade em nossa família, Deus a ama. Por isso, Ele ajudará você a manter a harmonia, o amor e a comunhão em sua família. Abra espaço para Ele ser o centro da sua família; seja esta pequena ou grande, ou de outro tipo: Deus a ama!

REFLETINDO
1. Como seria o tipo de família que Deus ama?
2. Você acha que a família é importante para a sua fé?
3. Como a família pode te ajudar em sua caminhada cristã?



 
Top