FECHAR
Clique e acesse
 

Obs. Lição de Classe de Adolescentes – 3° trimestre de 2016 - CPAD
No ano 313 d.C o Imperador Constantino assinou uma lei que autorizava qualquer pessoa a praticar a religião que quisesse. Terminavam assim quase 300 anos de perseguição ao Cristianismo. 

O próprio imperador ajudava financeiramente a igreja mandando construir luxuosos templos para os cristãos se reunirem.

Podemos pensar que foi um período de vitória para a igreja, mas essa ajuda imperial, com o tempo, mostrou-se a pior derrota da igreja, pois muitas pessoas se tornaram cristãs não porque se converteram, mas para receber ajuda do imperador. Eram cristãs apenas no nome, mas continuavam acreditando e fazendo as mesmas coisas que faziam antes de entrar para a igreja.

O próprio imperador mandou que milhares de pessoas fossem batizadas à força, e muitas aceitavam o batismo por medo.
A igreja até tentou ensinar a fé para essas pessoas e muitas realmente se converteram. Mas para a grande maioria, fazer parte da igreja não significava nada em suas vidas.

No dia 27 de fevereiro de 380 d.C., o Imperador Teodósio l assinou uma lei que ficaria conhecida como "Edito de Tessalônica", onde o Cristianismo se tornou a religião oficial do Império Romano, e qualquer cidadão romano passou a ser considerado cristão.

BAIXE ESTA LIÇÃO COMPLETA AQUI
 
Top