Classe: Adolescentes/1°trimestre de 2017
TEXTO BÍBLICO
Efésios 1.22,23; 2.19-22
DESTAQUE
Assim vocês também, unidos com Cristo, estão sendo construídos, junto com os outros, para se tornarem uma casa onde Deus vive por meio do Espírito (Ef 2.22).
VEJA TAMBÉM


LEITURA DEVOCIONAL
SEG.................................................................Mt 16.18
TER................................................................At 2.41,42-47
QUA..................................................................1Tm 3.15 QUI...................................................................Ef 5.25-27
SEX...................................................................1Ts 1.2-10 SÁB...................................................................1Ts 2.13-14
DOM.................................................................Hb 10. 24,25

Objetivos
- Conceituar a Igreja; 
- Mostrar os aspectos divino e humano da Igreja;
- Conscientizá-los da importância de participar do Corpo de Cristo.
Material Didático
A Bíblia, Data Show, cartaz, foros de Igreja históricas.
 
Quebrando a Rotina
Professor, inicie a aula desta, semana fazendo a seguinte pergunta: Quem fundou a Igreja? Ouça as respostas dos alunos: Em seguida, abra a Bíblia em Mateus 16.18, e leia com a classe a passagem em que Jesus afirma: "Edificarei a minha. Igreja". Explique que a Igreja do Senhor é uma só, e encontra-se espalhada pelos quatro cantos do mundo. Entretanto, o nosso Senhor reuniu o seu único povo em diversas igrejas locais e, por isso, temos igrejas na África, na Ásia, na Oceania, na América, etc. Depois, através de slides e/ou cartazes, mostre fotos de igrejas históricas da região locai, ou de um Estado, ou de outros países. A história da Igreja ë rica e vai enriquecer a sua aula. Pesquise!
 
Quantas igrejas há no mundo? Já se fez esta pergunta? Se levarmos em conta que, no Brasil, em apenas uma rua, há no mínimo 5 igrejas; podemos perceber o quanto lê grande a família de Deus na face da Terra. Estilos diferentes, pessoas distintas, outras nacionalidades e culturas diversas constituem a característica humana da Igreja de Cristo. O Senhor Jesus levantou um só povo no mundo. A Igreja que está aqui, no Brasil, tem Jesus Cristo como o mesmo Senhor da Igreja que encontra-se no outro lado do mundo.
                     
Esta lição é muito importante para o adolescente que está começando a pensar em qual igreja ele deve se tornar membro. Temos de levar em conta que muitos dos nossos adolescentes ainda não são batizados e têm dúvidas em relação a se tornar, ou não, membro de uma igreja local. Professor, você tem a incumbência de mostrar a eles que a Igreja foi fundada por Jesus e, pela Graça de Deus, o nosso Senhor conta com eles também. Boa aula!

O que é Igreja
Na Grécia Antiga as pessoas se reuniam nas praças em "assembleias" para tomarem uma série de decisões políticas. Lá, elas discutiam, discursavam e debatiam assuntos importantes para a vida do povo. Os santos escritores da Bíblia usaram a palavra "assembleia" para traduzir o termo "Igreja". A palavra Igreja significa "chamados para fora". É um grupo de pessoas reunidas por Deus, na Pessoa do seu Filho Jesus Cristo, que reconhece a soberania e a graça divina de serem chamados Filhos de Deus. Igreja é a assembleia de pessoas convocadas por Deus para tomar decisões concernentes ao seu Reino sob a orientação do Espírito Santo.

Por isso, quando vimos o termo "Igreja" na Bíblia, esta se refere a uma assembleia reunida, não em nome e nem por convocação de ser humano algum, mas por obra e graça de Jesus Cristo, o Filho encarnado de Deus. Pois foi o próprio Cristo que fundou a sua maravilhosa Igreja: "Portanto, eu lhe digo: você é Pedro, e sobre esta pedra construirei a minha Igreja, e nem a morte poderá vencê-la" (Mt 16.18).

A Igreja é a família espiritual de Deus, um povo criado por Ele para andar sob a direção do Espírito Santo e na esperança da volta do nosso Senhor. £ bem verdade que a palavra "Igreja", em muitos lugares, tornou-se sinónimo de um prédio, uma denominação ou algo do tipo. Mas segundo a Bíblia Sagrada, como Igreja queremos nos referir ao Corpo Universal dos Santos, a Assembleia dos santos. Pessoas de todos os lugares e de todos os tempos, adolescentes, jovens, crianças, adultos e idosos, que creram no Evangelho e que vivem uma vida de fé em Cristo Jesus.

Nós somos privilegiados de pertencermos à família de Deus, a Igreja de Cristo. Se crermos em Jesus como o Senhor e o Salvador das nossas vidas, então não há nada, absolutamente nada, que nos impeça de sermos batizados em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, a participar da comunhão da Igreja e comer do pão e beber do cálice, a Santa Ceia do Senhor. Como adolescente cristão você deve pensar seriamente sobre esta decisão. Você crê no Senhor Jesus como o Salvador da sua vida? Então o que falta para chegar ao pastor da sua igreja e dizer: pastor, eu quero me batizar!
 
AUXILIO TEOLÓGICO
"Embora deva existir união do corpo de Cristo, não se constitui antítese enfatizar que é necessária a diversidade para o bom funcionamento do corpo de Cristo. No mesmo contexto em que Paulo enfatiza a união, também declara: 'Porque também o corpo não é um só membro, mas muitos' (1Co 12.14). Referindo-se à mesma analogia, em outra Epístola, Paulo declara: 'Assim como em um corpo temos muitos membros, e nem todos os membros têm a mesma operação...' (Rm 12.4). Fee observa que a união 'não importa na uniformidade... nem pode existirverdadeira união se não há diversidade'.

A preciosa relevância dessa diversidade é ressaltada em todas as partes de 1Coríntios 12, especialmente em conexão com os dons espirituais, tão essenciais ao ministério da Igreja (ver 1Co 12.7-11, 27-33; cf. Rm 124-8). Deus usa métodos diferentes para moldar os membros da Igreja. Ele não chama todos ao mesmo ministério nem os equipa com o mesmo dom. Pelo contrário, à semelhança do corpo humano, Deus formou a Igreja de tal manei rã que ela funciona melhor quando parte (ou membro) cumpre com eficiência o papel (ou vocação) a qual foi destinado.
Dessa maneira, há uma 'unidade na diversidade' dentro do Corpo de Cristo" (Teologia Sistemática: Uma Perspectiva Pentecostal, CPAD, 2007, p.545).

A Igreja é formada por pessoas, fundada por Deus
O livro de Atos dos Apóstolos narram início histórico da Igreja em Jerusalém, a primeira igreja que aparece inaugurada após a ressurreição do nosso Senhor Jesus. Eram quase 120 discípulos os que perseveravam em oração aguardando serem revestidos de poder do alto, isto é, do Batismo no Espírito Santo (At 1.13,14). Mais tarde o Espírito Santo foi derramado sobre as pessoas que estavam reunidas em Jerusalém. Após a poderosa pregação do apóstolo Pedro quase 3000 pessoas se converteram ao Senhor e tornaram-se seguidoras de Jesus Cristo (At 2.41).

Pode imaginar em um único dia quase três mil pessoas decidindo seguir a Jesus? Eram pessoas de diferentes regiões do mundo. A Igreja nasceu grande! Em Atos 6, o texto bíblico fala-nos sobre pessoas de diferentes nacionalidades tendo que conversar e se entender umas com as outras para viverem o Evangelho de Cristo na plenitude.

De acordo com o livro de Atos podemos afirmar que a Igreja de Cristo é formada por pessoas, seres humanos falhos e defeituosos, mas que foram alcançados pela graça de Deus. Nunca ninguém pensará igualzinho a você porque duas cabeças diferentes fazem brotar pensamentos distintos. Devemos aproveitar esta diferença em nosso favor. O que não há em você, outro supre enquanto você supre a necessidade de outrem. Assim, como Igreja de Cristo, vamos servindo uns aos outros no Espírito do Senhor.

Mas na mesma proporção que a Igreja de Cristo é humana, porque é formada por seres humanos distintos, igualmente é divina. Criada por Deus e edificada por Jesus, a Igreja não é só uma instituição comum em que estamos acostumados a ver perto de casa. Não, a Igreja é "a Igreja do Deus vivo, a qual é a coluna e o alicerce da verdade" (l Tm 3.15). A Igreja que leva a Palavra de Deus, proclama e exalta ao Senhor Jesus como o Rei dos reis e Senhor dos senhores. Antes de tudo, essa Igreja é você!

A Igreja de Cristo no mundo, e de acordo com a história, tem quase 2000 anos. Quantos desafios esta instituição milenar passou? Quantas perseguições, humilhações e confrontos para defender a fé? Mas esta Igreja não desapareceu porque o Senhor zela pela sua Palavra.

A Igreja é um organismo vivo, isto é, tem vida própria, é autónoma e dirigida pelo Espírito Santo. Não há projeto maior na atualidade que a Igreja do nosso Senhor Jesus. Ela é humana, mas divina também. Cheia de defeito, mas perfeita. Cheia de graça, de benignidade, de temperança, de equilíbrio: uma igreja que transborda amor. Esta é a Igreja que o nosso Senhor edificou para testemunhá-lo até que Ele volte para arrebatara seu povo.

AUXILIO TEOLÓGICO
A expressão 'Igreja universal' é empregada em alguns círculos com algumas variantes: 'igreja ecuménica' e 'igreja católica'. Embora os termos' ecuménico' e 'católico' signifiquem simplesmente 'universal', o emprego histórico ocasionou diferenças substanciais. Se falamos hoje em igreja 'ecuménica', por exemplo, normalmente nos referimos a uma organização composta de várias denominações que se reúnem em torno das crenças ou práticas (ou ambas) que sustentam em comum. O termo 'católico' se tem essencialmente tornado sinónimo da Igreja Católica Romana. Embora certamente haja crentes genuínos dentro das fileiras dessas organizações, seria engano confundir associações terrestres com o corpo universal dos crentes.

Idealmente, a igreja local deve ser uma pequena réplica da Igreja Universal. Isto é, deve ser com posta de pessoas pertencentes a todas as situações históricas, culturas raciais ou étnicas e níveis sócio-econômicos, que nasceram de novo e compartilham a dedicação de suas vidas ao senhorio de Cristo (Teologia Sistemática: Uma Perspectiva Pentecostal, CPAD, 2007, p.549).

Conto me tornar membro da Igreja
"Pois pela graça de Deus vocês são salvos por meio da fé. Isso não vem de vocês, mas é um presente dado por Deus" (Ef 2.8). Ser membro do Corpo de Cristo é um presente de Deus mediante a obra expiatória de Jesus, o nosso Salvador. Todos quantos creem que Jesus morreu para redimir a nossa vida e que ressuscitou ao terceiro dia tornam-se membros do Corpo de Cristo: "Creia no Senhor Jesus e você será salvo — você e as pessoas da sua casa" (At 16.31).

Após a experiência de fé com Jesus Cristo temos de expressar publicamente a nossa experiência de salvação através do batismo em águas. Precisamos proclamar para todos verem e ouvirem que agora pertencemos ao Senhor Jesus: "Jesus disse ainda: — Eu digo a vocês que, se alguém afirmar publicamente que é meu, então o Filho do Homem também afirmará, diante dos anjos de Deus, que essa pessoa é dele" (Lc 12.8). A nossa escolha por Jesus precisa ser pública. Todos devem saber da nossa decisão.

Quando tomamos partido de Jesus Cristo, não o fazemos para cantar nos departamentos da igreja local ou participarmos melhor das diversas atividades que a igreja nos proporciona, isto é apenas uma consequência. Mas devemos nos decidir pelo batismo por amor a Jesus acima de todas as coisas. Desejar proclamá-lo a todos quantos se relacionam conosco. Quantos amigos, colegas e até parentes precisam de uma palavra vinda de nossa parte? Jesus é a nossa esperança e pode ser a esperança deles também. O nosso Senhor conta com você! Não tenha vergonha de Jesus. Decida-se por Ele. Ame-O, busque-O de todo coração, então se cumprirá a Palavra que diz: "Louvemos ao Deus e Pai do nosso Senhor Jesus Cristo! Por causa da sua grande misericórdia, ele nos deu uma nova vida pela ressurreição de Jesus Cristo. Por isso o nosso coração está cheio de uma esperança viva" (1Pe 1.3).

AUXÍLIO TEOLÓGICO
A Igreja foi projetada e criada por Deus. É a sua maneira de prover alimento espiritual para o crente e oferecer uma comunidade de fé através da qual o Evangelho é proclamado e a sua vontade progride a cada geração. Logo, a doutrina da Igreja trata de questões de importância fundamental para o nosso comportamento cristão individual e a correta compreensão da dimensão corpórea da vida e ministério cristãos.

[...] Hoje, a 'igreja' comporta vários significados. Refere--se frequentemente ao prédio onde os crentes se reúnem (por exemplo: 'Estamos indo à igreja'). Pode indicara nossa comunhão local ou denominação ('Minha igreja ensina o batismo por imersão') ou um grupo religioso regional ou nacional ('a igreja da Inglaterra'). A palavra é empregada frequentemente com referência a todos os crentes nascidos de novo, independemente de suas diferenças geográficas e culturais (por Igreja do Senhor Jesus Cristo'). Mas seja como for, o significado de 'igreja' refere-se primariamente não às instituições e culturas, mas sim às pessoas reconciliadas com Deus mediante a obra salvífica de Cristo e pertencente a Ele (Teologia Sistemática: Uma Perspectiva Pentecostal, CPAD, 2007, pp.535,37).

RECAPITULANDAO
Na aula desta semana meditamos no significada Estudamos que Igreja é o povo separado por Deus para servi-lo e viver sob a orientação do Espírito Santo. O nosso Senhor edificou a Igreja, o Corpo de Cristo, a fim de ser um organismo vivo, que proclame Cristo, o Salvador da humanidade. Aprendemos também que o Senhor Jesus aguarda que entreguemos nossa vida a Ele. Não podemos nos esconder por muito tempo, O Senhor Jesus morreu por nós, sendo, portanto, necessário que tomemos uma decisão clara e verdadeira por Ele. Assim, seremos parte integrante da grande comunidade dos santos espalhada pelo mundo, a Igreja. A expiação de Cristo nos deu a oportunidade de sermos chamados filhos de Deus. Portanto, falemos ao mundo sobre o amor de Deus, lembrando-lhe: "Porque Deus amou o mundo tanto, que deu o seu único Filho, para que todo aquele que nele crer não morra, mas tenha a vida eterna" (Jo 3.16).


Refletindo
1. Por que os adolescentes devem participar dos cultos regulares da igreja local?

O professor deve estimular a reflexão com os adolescentes sobre a importância de frequentar, regularmente, as reuniões da igreja. Assuntos como "crescimento espiritual", "conhecimento da Palavra de Deus", "experiências espirituais", etc., podem ser apresentados como razões para que eles participem das reuniões regulares da igreja.

2. E legal acessar o Facefaook, tablet, etc., na hora do culto?
E importante trabalhar com eles a disciplina para usaras tecnologias. Há hora para tudo! No momento do culto de adoração a Deus, a prioridade é conversar com Deus através de Jesus Cristo e ouvir a sua Palavra.

3. Você se sente à vontade para ser batizado? Por quê?
Deixe que o adolescente responda voluntariamente. Oriente-o sobre como se deve proceder para ser batizado.


Revista de Adolescentes - Professor 1º Tr. 2017 - CPAD/Reverberação: www.sub-ebd.blogspot.com
 
Top